There’s a Light…

“But there is a light, there is a light, there is a light”

Freedom is useless to someone who’s never been free
And a church full of angels point to where you want to be
High up in your heaven happiness opens its wings
And beats them in time to the rhythm of silence

Está tudo escuro neste domingo outrora ensolarado, as luzes lá fora,
Continuam amarelas,como o Outono, algumas piscam num ritmo inconstante.
Um dia alguém me disse para não andar nessas ruas escuras,
Mas um dia eu desci no ponto errado e então eu caminhei com medo,
E eu apenas seguia até encontrar uma referência, meus pés doíam,
Mas eu vi um supermercado e uma velha igreja, uma velha igreja sem fiéis.

Aos poucos as luzes estão se apagando e estou num quarto escuro,
Os aromas de incensos espanhóis comprados em lojas místicas,
Cheias de esculturas de velhos deuses antigos, mensagens de paz e amor,
Enquanto meu quarto está sempre perfumado,estou caminhando por ruas estreitas,
As luzes estão se apagando nessas ruas perigosas, e eu só quero ficar sozinha,
Enquanto caminho por estas ruas, eu tenho apenas pensamentos solitários.
Pensamentos solitários iluminados por um senso amarelo de uma luz de poste.

Talvez eu chegue cansada em casa, e então apenas eu pegarei um livro da estante,
Um dos meus livros sobre arte, com imagens bonitas de obras antigas,
Uma arte barroca, um jogo de luz-escuridão, é a forma como me sinto agora,
Nessa lamentação mesquinha de dores de amor, este poema é cantiga amorosa,
E isso soa tão ridículo quanto uma obra de arte dadaísta, mas é como Arte,
Quem se importa?Enquanto isso as luzes da fora continuam suaves e amarelas…
Os bares estão lotados, há fila se formando no Hot Dog Central,os carros passam,
Mas as luzes…continuam amarelas, algumas piscam, e eu continuo andando,
E os meus pensamentos são como as orações naquela igreja sem fiéis.

As palavras nunca estarão perdidas quando se há objetivos,
É nesta pura devoção, aqui neste lugar tão obscuro,
Não existe ninguém para me prejudicar,estou sozinha agora.
Estou tão longe, tão longe de ser encontrada, neste lugar,
Neste lugar que estou agora, as sombras estão caindo,
E é pura devoção, pura emoção, que mantém minha chama acesa,
E nestas ruas, onde as luzes amarelas estão piscando,
É como se eu tivesse meu Amor sozinho, na escuridão.
Naquela Igreja velha na esquina, há algo sagrado,
Sozinha na escuridão de luzes amarelas, eu observo a igreja sem fiéis.

Dê-me as estrelas do céu, como um mapa astronômico,
Quando eu vou numa livraria eu entro em transe amoroso,
Com grandes livros de astronomia com mapas das estrelas,
E o tempo, assim como os livros, caneta e papel, é meu velho amigo,
Algum dia, eu vou acordar, e sem seu consentimento, vou continuar,
Eu posso fazer coisas certas de dia, e de noite, coisas erradas
Coisas erradas como andar nessas ruas durante a noite,
Enquanto as luzes piscam numa encruzilhada perto de um bosque,
Eu busco por movimento numa velha avenida, vai ficar tudo bem.

E um dia alguém me disse, para tomar cuidado nessas ruas,
Um dia alguém me disse, “Se cuida”,
Vai ficar tudo bem, é assim que eu meu cuido, alguém se importa?
Faço coisas certas durante o dia, e de noite coisas erradas,
Mas existem, existem luzes amarelas piscando nas ruas,
Eu sei onde se localiza a moradia dos estudantes, bares de happy hour
E a velha igreja na esquina, uma velha igreja com um jardim bonito.
Um lugar sagrado sem fiéis na madrugada, há jovens no bar da esquina.

Está tudo bem agora…está tudo bem…durma bem agora,se você se importa com algo,
Se você se importa minimamente,saiba que as luzes continuam amarelas lá fora,
Algumas piscam, outras se apagam,como numa arte abstrata,nessas ruas antes desconhecidas,
Eu espero poder lembrar do seu sermão, e serei assim teimosa…
Talvez eu perca as chaves de casa…

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s