Desejo de Outono

O friozinho matinal está chegando,

Já posso usar meus cardigans e suéters velhos,

Juntar as folhas que caem em meu quintal,

São as folhas do meu ipê, elas caem no Outono,

E na primavera ele me dá as flores perfumadas.

O que acontecerá na primavera Meu Amor?

As flores serão bonitas e coloridas dessa vez?

Vou passar o Outono todo te esperando,

Esperando você me convidar pra deitar-me,

Nas folhas secas que tem no chão,

Conte-me uma história, e então…

[Adormecerei em teus braços, veremos então,

[O resto das folhas caindo lá de cima]

Amor, Quando o Outono chegava pra mim,

Eu gostava de juntar as folhas bonitas e coloridas,

E fazia delas meus marcadores de livros.

Nesse Outono que chega Meu Amor,

Todas as manhãs eu escreverei,

Pode ser um grito de agonia, uma mente angustiada,

Uma súplica, um desabafo.

Eu escrevo Amor, voltei a escrever em folhas de papel,

Sabe aquele caderno que te falei?Que comprei e não usei?

Eu não tenho todo o peso do mundo em meus ombros,

O único peso que eu sinto agora meu Amor, é a

[Saudade.]

É engraçado, acho a consciência humana uma grande piadista,

Uma dançarina de flamenco, uma feiticeira incólume e imprevisível,

Um Flautista que leva as crianças embora com sua música mágica,

E que depois mata as crianças afogadas na agonia de seus risos,

Na sua pureza, na inocência e nos sonhos de algodão doce.

Porque Meu Deus?Porque o Senhor escreve em linhas tortas?

Porque nos faz sentir saudade daquilo que nunca tivemos?

Aquilo que contemplamos em épocas passadas, sem expectativas,

Aquela fisionomia bonita e inquieta que eu via todas as manhãs,

Aquele garoto infanto-juvenil que eu não sabia o nome,

Aquele teu apóstolo que morreu numa cruz…

[Em forma de X]

A mente, a Razão, a incerteza de meus dias,

Serei apenas uma criança levada, aquela…

Aquela que dança no escuro, sem medo de cair,

Essa criança, com minhas luvinhas brancas

Que sonha com a folha inatingível lá no alto…

Amor, estou soprando minha brisa pra você,

Estou deitada aqui, embaixo do Carvalho,

Com um livro aberto sobre meu peito,

Há uma legião de folhas ao meu redor,

Mas eu não quero elas Meu Amor!

Eu quero você, que está lá em cima,

Estará você olhando pra mim também?

Você está balançando com a minha brisa?

Meu Amor…

[“Shake for me boy!I wanna be your lover!]

A incerteza é minha dor,

É a minha treva de todos os dias…

Terei Forças e coragem para subir até lá em cima?

Te arrancar, te roubar, assim, de surpresa?

Sem ao menos nem lhe pedir permissão?

Posso te arrancar lá em cima e te guardar?

Lhe apertar forte contra meu peito?

Lhe mostrar passagens bonitas no livro de minha vida?

Enquanto você estiver lá… Meu Amor,

Reinando soberano, lá no alto, como um Anjo,

Eu estarei lá embaixo, olhando pra você.

E meus lábios rubros, querem lhe tocar a face.

Tu tens a aspereza de uma folha semi seca,

Pois metade é veludo e outra parte é barba por fazer,

Seu cavanhaque é puro dilúvio, tormenta e causa,

De noites mal dormidas, pois sua pele branca e olhos castanhos…

Eu posso ver suas veias, através de sua pele,

Oh meu Deus…permita-me, permita-me pelo menos,

Ter você assim, nos meus sonhos…estarei eu…nos olhos de um furacão…

[Love me like a hurricane…]

Meu amor, você me sacode, e você está lá em cima,

Sou eu que tenho que te sacudir, mas sua Força é maior que a minha.

Você faz isso sem querer?Amor, você não existe…você é um Anjo,

É a alucinação de um absinto…

Amor, você é como um Prisma,

Quando o sol lhe toca a pele,

Eu vejo todas as suas Cores,

Suas cores, são lindas, Meu Amor,

[Suas cores…minha Folha de Outono]

Enquanto olho suas fotografias, eu fico um pouco mais feliz…

Mesmo na incerteza de meus dias, na incerteza de seus sentimentos,

Eu estarei te esperando…Amor…estou te esperando!

Você sabe que eu seria incapaz, de fazer aquilo que você não queira,

Estou esperando…esperando você cair por mim.

Enquanto você não se rende meu Amor,

Eu estarei aqui embaixo, te olhando com meus olhos grandes,

Esperando que um dia eu te derrube…

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s